Capítulo I

De um vazio instável brota uma bolha de tempo e espaço. Imensidão que pouco se espera. É o tempo mais certo, Onde tudo, ou pelo menos quase tudo, parece prosperar. O homem, agora, dá sentido ao vazio.

João Henrique Correia é fotógrafo e diretor de arte, baseado entre São Paulo e Salvador. Seu trabalho é caracterizado por um senso de equilíbrio, vibração, contemplação e autenticidade expressados através do olhar curioso pelo ordinário e pelas cores.

Pague em até 3x via paypal | Frete grátis para todo o brasil